2 de jun de 2009

DICAS SEGURAS: senhas, downloads, msn, e-mails, sites e etc

Quando vc sai de casa, certamente toma alguns cuidados p/ se proteger d assaltos e outros perigos existentes nas ruas. Na internet, é igualmente importante pôr em prática alguns procedimentos d segurança, já q golpes, espionagem e roubo d arquivos e senhas são apenas alguns dos problemas q as pessoas podem ter na Web. É p/ ajudá-lo a lidar c/ isso apresentaremos a seguir, 15 dicas importantes p/vc manter sua segurança na internet e em seu computador. 1 - Saia usando Logout, Sair ou equivalente Ao acessar seu webmail, sua conta em um site d comércio eletrônico, sua página no Orkut, seu home banking ou qlq outro serviço q exige q vc forneça um nome d usuário e uma senha, clique em um botão/link d nome Logout, Logoff, Sair, Desconectar ou equivalente p/ sair do site. Pode parecer óbvio, mas muita gente simplesmente sai do site fechando a janela do navegador d internet ou entrando em outro endereço. Isso é arriscado, pois o site ñ recebeu a instrução d encerrar seu acesso naquele momento e alguém mal-intencionado pode abrir o navegador d internet e acessar as informações d sua conta, caso esta realmente ñ tenha sido fechada devidamente. 2 - Crie senhas difíceis d serem descobertas Ñ utilize senhas fáceis d serem descobertas, como nome d parentes, dt d aniversário, placa do carro, etc. Dê preferência a seqüências q misturam letras e nºs. Além disso, ñ use como senha uma combinação q tenha menos q 6 caracteres. O mais importante: ñ guarde suas senhas em arquivos do Word ou d qlq outro programa. Se necessitar guardar uma senha em papel (em casos extremos), destrua-o assim q decorar a seqüência. Além disso, evite usar a mesma senha p/ vários serviços.Mais orientações sbr senhas podem ser encontradas aqui. Como criar senhas seguras Há muito tempo q o uso d senhas tem sido aplicado a operações eletrônicas, como as bancárias, por ex. Na Internet, qlq serviço essencial, como e-mail, precisa d senha. Em sua casa, se o computador q vc usa está em rede, vc precisa informar seu nome d usuário e sua senha. Se é usuário d Linux então, isso é praticamente obrigatório! As senhas são um dos principais e mais eficientes mecanismos d segurança e identificação existentes. Tamanha usabilidade fez c/ q, naturalmente, meios fossem criados p/ descobrir senhas e explorar áreas ou informações restritas. Este tutorial tem por objetivo explicar como criar senhas seguras, ou seja, difíceis d serem descobertas. Assim, será possível evitar q intrusos descubram sua senha d Internet, do seu e-mail, do seu site preferido e até mesmo do seu banco. Use palavras-chave como base Um bom método p/ criação d senhas é usar palavras-chave que estejam relacionadas a assuntos ou acontecimentos significativos p/ vc. Por ex.filhos, carros, casamento, entre outras. Assim, p/ um assunto explorado associá-se características q sejam facilmente lembradas por vc. P/nosso exemplo, usaremos características d carros: arcondicionado, bancocouro, golmil, 4portas, etc. A idéia aqui, é associar palavras a acontecimentos ou objetos importantes p/ vc, mas q ninguém descubra facilmente. Se vc quiser aumentar mais ainda a eficiência dessas senhas, use algumas letras em maísculas ou use números semelhantes a letras (como A = 4, S = 5 e E = 3). Por ex. ARcondicionado, bancoCouro, gol1000, 4port4s, enfim Truque da troca de caracteres Um truque interessante é trocar caracteres. Por ex. na senha bancocouro, vc pode trocar o 'c' por 'k', ficando bancokouro. Na senha 4portas, troque o 's' por 'z', ficando 4portaz. Outra dica é trocar por letras q estejam mais próximas da pronúncia: a senha casamento , pode virar cazamento, pois a pronúncia é a mesma. O truque (já citado) d trocar letras por nºs semelhantes pode ser ainda mais explorado: a senha esquilo , pode virar 35qui1o , ou 35quil , basta usar sua criatividade. Letras maiúsculas O uso d letras maiúsculas e minúsculas costumam fazer diferença nas senhas. Por ex. a senha monitorsamsung , ñ é o mesmo q Monitorsamsung ou MonitorSamsung. Muitos sistemas diferenciam caracteres maiúsculos e minúsculos como se fossem letras distintas. Isso é uma segurança há mais. Imagine q alguém conseguiu descobrir sua senha, mas ñ sabe q uma das letras é usada em maiúscula. Fatalmente ñ conseguirá usar sua senha. Principalmente em redes, o uso d pelo menos um caractere em maiúsculo é necessário. Mas há um jeito d usar letras maiúsculas d forma mais consistente e menos previsível. Em vez de colocar a primeira letra como maiúscula, coloque a segunda, a terceira, enfim. Por ex. monitorsamsung pode virar mOnitorsAmsung. Em casos d senha c/ apenas uma palavra-chave, vc pode colocar mais de uma letra em maiúscula: a senha monitor pode virar mOnitOr, onde a regra é q a segunda e a penúltima letra seja maiúscula. Você pode criar a combinação q quiser, mas é importante q vc consiga lembrá-la facilmente e q outras pessoas tenham dificuldades em descobrir. O que não usar em senhas Evite usar em senhas seqüências previsíveis, como janeiro01, fevereiro02, março03, etc, pois se uma pessoa descobrir, por ex. a senha janeiro01, poderá desconfiar q a próxima senha será fevereiro02 e assim por diante, pois vc criou uma combinação previsível. Outra dica, é evitar usar senhas muito óbvias, como seu sobrenome invertido, sua data de nascimento (ou de alguém próximo), seu nº d telefone, o nome do seu time d futebol, uma seqüência numérica, como 123456, abcdef , enfim. Qdo alguém especializado tenta descobrir senhas, a primeira coisa q faz é testar o uso d senhas óbvias. Evite também usar senhas q estejam visivelmente ligadas a vc, como o nome d seu(sua) namorado(a), o nome do seu cachorro, o nome da sua bebida favorita, enfim. Mais dicas para criar senhas A maioria das dicas a seguir foram criadas por especialistas em segurança, e compõem a norma ISO1779: - As senhas devem ter, no mínimo, 6 caracteres; - Não devem conter caracteres idênticos consecutivos; - Não utilize somente números ou letras. Faça uso de outros caracteres, como "_ ) = @ ~ &"; - Evite reutilizar ou reciclar senhas antigas; - Altere suas senhas regularmente, como a cada 3 meses, por exemplo; - Mantenha um registro de todas as senhas antigas dos usuários e evite que elas sejam reutilizadas; - Altere todas as senhas-padrão (default); - Elimine ou bloqueie contas de usuários compartilhadas; - Não guarde senhas em papéis; - Não guarde senhas em arquivos do Word, Excel, TXT, etc. Use programas próprios para isso; - Não use uma mesma senha em vários serviços; - Esteja atento a digitar a senha, para não digitá-la em um lugar errado por engano, como no campo do nome de usuário, por exemplo; - Em senhas para acesso a informações importantes, use pelo menos 8 caracteres e faça uma combinação complexa, conbinando números, letras (maiúsculas e minúsculas), caracteres pouco usados, enfim. 3 - Mude a sua senha periodicamente Além d criar senhas difíceis d serem descobertas, é essencial mudá-las periodicamente, a cd 3 meses, pelo menos. Isso pq, se alguém conseguir descobrir a senha do seu e-mail, por ex. poderá acessar as suas mensagens sem q vc saiba, apenas p/espioná-lo. Ao alterar sua senha, o tal espião não vai mais conseguir acessar as suas informações. 4 - Use navegadores diferentes Se você é usuário do sistema operacional Windows, talvez tenha o hábito d utilizar apenas o navegador Internet Explorer. O problema é q existe uma infinidade d pragas digitais (spywares, vírus, etc) q exploram falhas desse navegador. Por isso, uma dica importante é usar também navegadores d outras empresas, como o Opera e o Firefox, pois embora estes também possam ser explorados por pragas, isso ocorre c/ uma freqüência menor neles. Se ainda assim preferir utilizar o Internet Explorer, use um navegador alternativo nos sites q vc considerar suspeitos (páginas q abrem muitas janelas, por ex.). 5 - Cuidado com downloads Se vc usa programas d compartilhamento d arquivos, como eMule, ou costuma obter arquivos d sites especializados em downloads, fique atento ao q baixar. Ao término do download, verifique se o arquivo ñ possui alguma coisa estranha, por ex. mais de uma extensão (como cazuza.mp3.exe), tamanho muito pequeno ou informações d descrição suspeitas, pois muitos vírus e outras pragas se passam por arquivos d áudio, vídeo e outros p/ enganar o usuário. Além disso, sempre examine o arquivo baixado c/ um antivírus. Também tome cuidado c/ sites q pedem p/ vc instalar programas p/ continuar a navegar ou p/ usufruir d algum serviço. Ainda, desconfie d ofertas d programas milagrosos, capazes d dobrar a velocidade de seu computador ou d melhorar sua performance, por ex. 6 - Atente-se ao usar Windows Live Messenger, Google Talk, AIM, Yahoo! Messenger, entre outros. É comum encontrar vírus q exploram serviços d mensagens instantâneas, tais como o Windows Live Messenger (antigo MSN Messenger), AOL Instant Messenger (AIM), Yahoo! Messenger, entre outros. Essas pragas são capazes d, durante uma conversa c/ um contato, emitir mensagens automáticas q contém links p/ vírus ou outros programas maliciosos. Nessa situação, é natural q a parte q recebeu a mensagem pense q seu contato é q a enviou e clica no link c/ a maior boa vontade. Mesmo durante uma conversa, se receber um link q ñ estava esperando, pergunte ao contato se, d fato, ele o enviou. Se ele negar, ñ clique no link e avise-o d q seu computador pode estar c/ um vírus. 7 - Cuidado com e-mails falsos Recebeu um e-mail dizendo q vc tem uma dívida c/ uma empresa d telefonia ou afirmando q um de seus documentos está ilegal ou ainda, a mensagem te oferece prêmios ou cartões virtuais de amor ou te intima p/ uma audiência judicial ou ... contém uma suposta notícia importante sobre uma personalidade famosa. É provável q se trate d um scam, ou seja, um e-mail falso. Se a mensagem tiver textos c/ erros ortográficos e gramaticais, fizer ofertas tentadoras ou tem um link diferente do indicado (para verificar o link verdadeiro, basta passar o mouse por cima dele, mas sem clicar), desconfie imediatamente. Na dúvida, entre em contato c/ a empresa cujo nome foi envolvido no e-mail. Veja: - Dicas contra e-mails falsos; - Fique atento: scams usam sustos para enganar internautas. Dicas contra e-mails falsos A cd dia surgem na Web e-mails falsos, usando o nome d bancos, d desenvolvedores d software e antivírus, d lojas on-line, d sites d segurança, d sites d notícias, d serviços na internet, enfim. O objetivo dessas mensagens é quase sempre o d capturar informações do internauta, como senha d bancos, por ex. Veja a seguir, dicas para identificar e evitar estas "armadilhas". \/ 1 - Desconfie de ofertas generosas Os e-mails falsos usam nomes d empresas e oferecem produtos ou serviços muito generosos. Em casos d banco, por ex.os e-mails oferecem seguro grátis, prêmios em valores altos e cartões d crédito. Mas geralmente, tais e-mails pedem p/ o usuário "atualizar" seus dados através d um suposto formulário q segue em anexo, ou direcionam o internauta a um link, onde deve-se preencher os campos c/ suas informações pessoais, incluindo senhas. Bancos ñ pedem senhas d seus clientes em cadastros. Todas as instituições possuem políticas d segurança p/ lidar c/ essas informações e ñ há razão p/ o banco pedir sua senha pela internet; 2 - Desconfie do endereço Vc recebeu um e-mail do banco Itaú e o link aponta para itau1.com. O banco tem um domínio conhecido (itau.com.br) e portanto, desconfie se o endereço no e-mail apontar p/ um site semelhante. Muitas vezes, o endereço aparece certo p/ o internauta, mas ao passar o mouse por cima do link o verdadeiro endereço é mostrado. Estes sites geralmente tem a mesma aparência do site verdadeiro, o q engana o internauta. Portanto, esteja sempre atento qto ao endereço do site; 3 - Ñ clique em links cujo final termina em .exe Vc acaba d receber um cartão do Yahoo ou do BOL. Ao passar o mouse por cima do link, o mesmo termina com .exe ou .zip. Nestes casos, jamais clique no link, pois o computador fará download d um arquivo executável, q poderá servir d espião em sua máquina e transmitir todo o tipo d informação ao criador programa. É muito importante estar atento ao link, pois os e-mails quase sempre são cópias fiéis dos e-mails verdadeiros, usando, inclusive, o mesmo logotipo e layout da empresa em questão. Além disso, se vc recebeu um cartão on-line do BOL, ñ á motivos para o cartão estar disponível num site gratuito da Tripod; 4 - E-mails falsos mais comuns Os e-mails falsos mais comuns são os q usam o nome de bancos, como Banco do Brasil e Itaú, d empresas d software, como Microsoft e Symantec, d programas d TV, como Big Brother Brasil, d lojas on-line (oferecendo prêmios ou descontos mirabolantes), como Americanas.com, d cartões virtuais, como Yahoo e BOL, onde o usuário clica num link fajuto acreditando q vai visualizar o cartão, nome d sites d notícias, oferecendo um programa p/ q o internauta veja as notícias em tempo real, enfim; 5 - O remetente pode ser falso Vc recebe um e-mail c/ um arquivo anexo ou c/ um link e desconfiado vê o remetente. O mesmo aponta p/ suporte@microsoft.com.br. Sendo assim, vc acredita q o e-mail é verdadeiro. Cuidado! Os e-mails falsos conseguem fingir serem endereços reais p/ enganar o internauta; 6 - Assuntos atuais Os e-mails falsos podem explorar assuntos atuais. Portanto, desconfie se receber e-mails sobre atualidades sem vc ao menos ter solicitado; 7 - Se pedir download, esqueça E-mails falsos podem te oferecer "ótimos" serviços gratuitos, mas é necessário fazer download d programas. Não o faça, caso contrário vc poderá ter um "espião" em seu computador; 8 - Se tiver dúvidas, pergunte Se você recebeu um e-mail de uma empresa oferecendo algo, uma boa idéia é entrar em contato c/ a companhia, através do site ou do telefone e perguntar se aquele e-mail é verdadeiro; 9 - Repare nos erros Se receber um e-mail c/ erros grosseiros d gramática ou c/ figuras faltando, eis bons sinais d um e-mail falso. Empresas sérias tomam cuidado c/ estes pontos; 10 - Parece d verdade Há e-mails falsos tão bem feitos, q copiam slogan, templates e até possuem links q apontam p/ o site verdadeiro. Mas as aparências enganam! Por isso, verifique o e-mail, mesmo sendo d uma empresa q vc é cliente, como por ex., um provedor de internet. Finalizando Os e-mails falsos aparecem cd vez com mais freqüência. O objetivo é sempre ter informações do usuário, principalmente senhas de banco. Com as dicas acima, é possível escapar dessas verdadeiras armadilhas, mas a dica principal é ter bom senso. Nenhuma empresa oferece ofertas e serviços fantásticos gratuitamente e muito menos pedem p/ o usuário fazer um recadastramento por e-mail. Na dúvida, SEMPRE visite o site verdadeiro, que você conhece. E-mails são enviados pelos mesmos indivíduos q enviam SPAM, por isso é q tais mensagens podem chegar ao seu e-mail. Portanto, ao identificar um e-mail falso, ñ responda d forma alguma, caso contrário, vc estará confirmando q seu e-mail é válido. Dicas para evitar SPAM. Tais dicas também são aplicáveis p/ evitar e-mails falsos. Fique atento: scams usam sustos p/ enganar internautas. Scam é o nome dado aos e-mails falsos q se passam por mensagens verdadeiras p/ atrair internautas. A idéia consiste em usar o nome d uma empresa ou d algum serviço conhecido na internet p/ convencer usuários a clicarem no link da mensagem. No entanto, esse link ñ aponta p/ o q a mensagem oferece, mas sim p/ um site falso q tem o mesmo layout d um site verdadeiro ou p/ um arquivo executável q tem a função d capturar informações da máquina da vítima. Os scams usam qlq tema, porém, os mais comuns fingem ser e-mails de cartões virtuais. Nestes casos, o link p/ a visualização do cartão geralmente aponta p/ um arquivo executável e muita gente, na expectativa de ver o cartão, clica no link sem checar se este é mesmo verdadeiro. Há também scams q usam como tema assuntos financeiros, como mensagens q fingem ser e-mails d bancos conhecidos solicitando ao internauta o recadastramento d informações, sob o pretexto d alguma vantagem tentadora. Caso o usuário clique no link, este o levará um site falso c/ um visual igual ou semelhante à página do banco em questão e, por isso, o internauta tende a ñ desconfiar q aquele endereço é falso e acaba fornecendo suas informações, inclusive senhas. A questão é q, cd vez mais, os internautas estão tomando ciência desses golpes e os scammers - os criminosos q enviam as mensagens falsas - estão em constante busca d alternativas p/ continuar a aplicar os golpes. Uma das técnicas encontradas é o uso do medo e do susto. Isso funciona, basicamente, da seguinte forma: uma mensagem chega à caixa d e-mails do internauta dizendo q este possui dívidas pendentes (por exemplo, em contas d telefone) ou irregularidades em algum documento (por exemplo, no CPF - Cadastro de Pessoa Física). Qlq pessoa honesta realmente fica preocupada ao receber uma notificação desse tipo e, algumas, mesmo tendo ciência dos golpes q chegam por e-mail, no momento do susto, podem acabar acreditando na mensagem e clicam no link q a acompanha, na expectativa d obter detalhes sbr o suposto problema. Vamos ver dois exemplos de mensagens falsas q assustam o internauta. Falsa notificação da Receita Federal. A mensagem diz que o CPF do usuário está cancelado ou pendente de regularização. Repare que o texto apresenta links, mas todos apontam p/ http://www.pandoranyx.com/VampireForum/mail/cartao0401. Veja q esse endereço ñ tem nenhuma ligação com o site da Receita Federal http://www.receita.fazenda.gov.br/ Note também q o campo De:; da mensagem tem como emissor o e-mail receita@receita.fazenda.gov.br Essa é uma característica q pode levar o internauta a acreditar q a mensagem é mesmo verdadeira No entanto, ñ é: spammers (pessoas que enviam SPAM) e scammers usam softwares capazes d enviar milhares d e-mails por minuto. Esses programas são dotados d recursos q permitem ao emissor indicar qlq endereço como remetente. Dessa forma, uma mensagem falsa pode ter o campo "De:" preenchido c/ um endereço da Receita Federal, do FBI, do InfoWester, enfim, d qlq site. Se o cabeçalho dessas mensagens for analisado, será possível constatar q a emissão ñ foi feita pelo endereço indicado como remetente. O ex. a seguir, mostra um scam q se passa por um e-mail d cobrança da empresa d telecomunicações Embratel. A mensagem usa um texto q, inclusive, ameaça o internauta d ter seu nome encaminhado ao SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) caso a suposta dívida ñ seja quitada. Vamos fazer uma análise dessa mensagem. Para começar, repare nos erros dos textos. Em "1" há o uso de gerúndio ("estar pedindo"). Uma mensagem verdadeira teria uma frase melhor formulada: "Primeiramente, pedimos desculpas...". Em "2" a palavra "mais" é empregada incorretamente. O correto seria o uso de "mas". Em "3" o correto seria dizer "uma cópia DO boleto bancário" e ñ "uma cópia DE boleto bancário". Em "4" novamente há o uso d gerúndio. Em "5" a palavra "agência" está sem o acento circunflexo. Em "6" está escrito "prefêrencia", sendo q o certo é "preferência". Ainda, é possível identificar outros erros no e-mail. É importante frisar q uma mensagem verdadeira pode ter algum erro, mas ñ tantos! Resta ainda verificar o link p/ a visualização do suposto boleto. Repare q ele aponta p/ um endereço q ñ pertence á Embratel. Por fim, veja q esse e-mail também tem o truque d indicar um endereço da empresa no campo "De:". TODAS AS IMAGENS PODERÃO SER VISUALIZADAS EM " FONTE " NO FINAL DESTE TÓPICO. Ao receber e-mails desse tipo, uma pessoa pode ficar preocupada, mesmo vendo q a mensagem possui características d scam. Por isso, na dúvida, vc deve entrar em contato c/ a empresa cujo nome está sendo usado. Isso vale, inclusive, para notificações feitas por telefone (sim, há golpes q tb usam esse meio). É pouco provável q golpes na internet um dia deixem d existir. Por isso, é sempre recomendável estar atento às armadilhas q existem na Web. Truques e técnicas p/ enganar internautas surgem constantemente e praticamente todas tentarão mexer c/ vc d alguma forma. Há scams q dizem q seu marido/sua esposa está te traindo, outros prometem fotos eróticas, outros tentam dizem q vc ganhou um prêmio, outros se passam por clínicas q "descobriram" q vc tem uma enfermidade grave, enfim. Ao receber algum e-mail que te deixa preocupado, mantenha a calma e siga as orientações mostradas ao longo deste texto. A mais importante delas repetimos: na dúvida, entre em contato com a empresa cujo nome está sendo usado. Mesmo porque, scams cada vez mais sofisticados e mais difíceis de se identificar (por exemplo, mensagens falsas que fazem uso correto da língua portuguesa) surgirão. Ficar atento é essencial para evitar transtornos com golpes na internet. 8 - Evite sites de conteúdo duvidoso Muitos sites contêm em suas páginas scripts capazes d explorar falhas do navegador d internet, principalmente do Internet Explorer. Por isso, evite navegar em sites pornográficos, d conteúdo hacker ou q tenham qlq conteúdo duvidoso. 9 - Cuidado com anexos de e-mail Essa é uma das instruções mais antigas, mesmo assim, o e-mail ainda é uma das principais formas d disseminação d vírus. Tome cuidado ao receber mensagens q te pedem p/abrir o arquivo anexo, principalmente se o e-mail veio d alguém q vc ñ conhece. P/ aumentar sua segurança, vc pode checar o arquivo anexo c/ um antivírus, mesmo qdo estiver esperando recebê-lo. 10 - Atualize seu antivírus e seu antispyware Muita gente pensa q basta instalar um antivírus p/ o seu computador estar protegido, mas ñ é bem assim. É necessário atualizá-lo regularmente, do contrário, o antivírus ñ saberá da existência d vírus novos. Praticamente todos os antivírus disponíveis permitem configurar uma atualização automática. Além disso, use um antispyware c/ freqüência p/ tirar arquivos e programas maliciosos d seu computador. Uma boa opção é o Spybot. Assim como o antivírus, o antispyware também deve ser atualizado p/ q este conheça pragas novas. Em ambos os casos, verifique no manual do software ou no site do desenvolvedor, como realizar as atualizações. 11 - Cuidado ao fazer compras na internet ou usar sites de bancos Fazer compras pela internet é uma gde comodidade, mas só o faça em sites de venda reconhecidos. Caso esteja interessado em um produto vendido em um site desconhecido, faça uma pesquisa na internet p/ descobrir se existe reclamações ctr a empresa. Um bom serviço p/ isso é o site Reclame Aqui. Ao acessar sua conta bancária através da internet, também tenha cuidado. Evite fazer isso em computadores públicos, verifique sempre se o endereço do link é mesmo o do serviço bancário e siga todas as normas d segurança recomendadas pelo banco. 12 - Atualize seu sistema operacional O Windows é o sistema operacional mais usado no mundo e quando uma falha de segurança é descoberta nele, uma série d pragas digitais são desenvolvidas p/ explorá-la. Por isso, vá em Iniciar / Windows Update e siga as orientações no site q abrir p/ atualizar seu sistema operacional. Fazer isso uma vez ao mês é suficiente para manter seu sistema operacional atualizado. Se for usuário de outro sistema operacional, como o Mac OS ou alguma distribuição Linux, saiba que essa dica também é válida. Falhas de segurança existem em qlq sistema operacional, por isso, é importante aplicar as atualizações disponibilizadas pelo desenvolvedor. 13 - Atualize também os seus programas Também é importante manter seus programas atualizados. Muita gente pensa q as versões novas apenas adicionam recursos, mas a verdade é q elas contam também c/ correções p/ falhas d segurança. Por isso, sempre utilize a última versão dos seus programas, especialmente os q acessam a internet (navegadores de internet, clientes de e-mail, etc). Muitos aplicativos contam c/ uma funcionalidade q atualiza o programa automaticamente ou avisa do lançamento d novas versões. É um bom hábito deixar esse recurso ativado. 14 - Ñ revele informações importantes sbr vc Em serviços d bate-papo (chat), no Orkut, em fotologs ou em qlq serviço onde um desconhecido pode acessar suas informações, evite dar detalhes da escola ou da faculdade q vc estuda, do lugar onde vc trabalha e principalmente d onde vc mora. Evite também disponibilizar dados ou fotos q forneçam qualquer detalhe relevante sbr vc, por ex. fotos em q aparecem a fachada da sua casa ou a placa do seu carro. Nunca divulgue seu número d telefone por esses meios, tampouco informe o local em q você estará nas próximas hrs ou um lugar q vc freqüenta regularmente. Caso esses dados sejam direcionados aos seus amigos, avise-os d maneira particular, pois toda e qlq informação relevante sbr vc pode ser usada indevidamente por pessoas má-intencionadas, inclusive p/ te localizarem. 15 - Cuidado ao fazer cadastros Muitos sites exigem q vc faça cadastro p/ usufruir d seus serviços, mas isso pode ser uma cilada. Por exemplo, se um site pede o número do seu cartão d crédito sem ao menos ser uma página d vendas, as chances d ser um golpe são gdes. Além disso, suas informações podem ser entregues a empresas que vendem assinaturas d revistas ou produtos por telefone. Ainda, seu e-mail pode ser inserido em listas d SPAMs. Por isso, antes d se cadastrar em sites, faça uma pesquisa na internet p/ verificar se aquele endereço tem registro d alguma atividade ilegal. Avalie também se vc tem mesmo necessidade d usar os serviços oferecidos pelo site. FinalizandoSe proteger no "mundo virtual" pode ser um pouco trabalhoso, mas é importante p/ evitar transtornos maiores. A maioria dos golpes e das "ciladas" pode ser evitada se o usuário estiver atento, por isso é recomendável praticar as dicas mencionadas nesta página. Se quiser ir mais a fundo, veja \/ - Hoax: a corrente dos boatos, das lendas e dos golpes; - Ataques de engenharia social na internet; - Dicas contra spywares; \/ FONTE http : // www . infowester. com / dicaseguranca . php ( COLE NA BARRA DO SEU NAVEGADOR E JUNTE OS ESPAÇOS )

4 comentários:

rerison disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
MENINAMÁ.COM disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
giselle disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.